Fátima e a maternidade fecunda


Data da Postagem: 14 de Maio de 2017

Hoje celebramos esta linda data que é o dia das mães. Ontem, dia 13, celebramos o centenário das aparições de Nossa Senhora em Fátima. Em Portugal, o Santo Padre canonizou Francisco e Jacinta, agora os dois santos mais jovens da Igreja.

As duas datas coincidem pela providência de Deus. Maria, Mãe do Filho de Deus e nossa Mãe, quer nos amar, mas sobretudo nos levar à Jesus.

Por isso, em Maria, em Fátima, temos a revelação de uma grande educadora da humanidade.

Suas mensagens não são apocalípticas, mas sim de uma mãe que quer alertar seus filhos para que tenham uma vida em santidade e, com isso, gozem a paz proveniente dos frutos do Espírito.

Maria é simples mas profunda, como todas as mães. Mães são dóceis e valentes ao mesmo tempo. Fortes, dinâmicas, lutadoras. A maternidade é uma dádiva do Senhor.

Hoje, invocando a intercessão de Nossa Senhora de Fátima, nosso clamor vai para as mulheres que desejam engravidar e para aquelas que pensam em adotar. Peçamos a Deus que, conforme a Sua vontade, nossas famílias sejam abençoadas com o dom da fecundidade.

Para quem tiver impedimentos, que a adoção seja este caminho abençoado para que as famílias se tornem completas. Não tenhamos medo da adoção.

Mães e pais verdadeiros são aqueles que cuidam, que zelam, que ensinam o caminho do bem. Isso é maternidade e paternidade. Na escola de Maria, temo que reaprender o ideal de família. É urgente isso.

Mais do que mensagens alarmantes, Maria quer nos comunicar o essencial da vida. E o essencial é isso: viver em Família. Faça a experiência de se deixar voltar a viver em família. Faça!

Fico pensando em tantos desvios éticos que a nossa sociedade está vivendo. Se cada pessoa que pratica um ato de corrupção, pensasse antes em sua família, certamente não o faria. Não vale a pena. O que vale a pena na vida é estar em família, em Deus, em paz.

No centenário de Fátima, Maria quer nos conclamar a voltar a trilhar o caminho de Jesus. Ela nos leva a Ele. Esta é a missão de Maria. Missão profética de levar a humanidade a Jesus e à conversão.

Mesmo que pareça que estamos nos piores tempos da humanidade, tenho fé e esperança que há muita coisa boa para vivermos. Esta experiência de vivenciar o que de melhor nosso Deus pode nos proporcionar, pode ser compreendida na simplicidade mariana.

Neste Ano Mariano, em que celebramos também os 300 anos do encontro de Nossa Senhora Aparecida nas águas do Rio Paraíba em São Paulo, que Jesus, por intercessão de Maria, abençoe todas as mães, mulheres, famílias. Amém!


Dom Anuar Battisti