Pela primeira vez, judeus participam de reunião do GDI em Maringá


Data da Postagem: 21 de Fevereiro de 2019

Um fato histórico está agendado para essa sexta-feira (22) em Maringá. Pela primeira vez, desde a sua criação em 2003, o Grupo de Diálogo Inter-religioso terá a participação da comunidade judaica.

A acolhida aos judeus será feita na residência episcopal do Arcebispo de Maringá, Dom Anuar Battisti, às 19h30.

“Nos reunimos bimestralmente na casa de um dos integrantes do grupo. Desta vez, terei a honra e a alegria de acolher em nossa casa, pela primeira vez, os irmãos judeus”, diz Dom Anuar.

Integram o GDI representantes do cristianismo, budismo, islamismo, espiritismo, candomblé, umbanda, religião de Deus, fé bahá´i, religião indígena e, a partir de agora, do judaísmo.

De acordo com o coordenador do GDI, Irivaldo Joaquim de Souza, as articulações para a participação dos judeus começaram em 2015. “Agora eles passam a fazer parte do grupo oficialmente”, afirma.  

“Ver árabes e judeus sentados juntos, em paz, é um sinal profético para o mundo. Estamos fazendo a nossa parte, como nos pede o Papa Francisco”, comenta o Arcebispo de Maringá.