Festa da Misericórdia: Relíquias de João Paulo II e João XXIII estarão expostas na Catedral


Data da Postagem: 16 de Abril de 2014

imagem Festa da Misericórdia: Relíquias de João Paulo II e João XXIII estarão expostas na Catedral

Os fiéis da Arquidiocese de Maringá terão a oportunidade de venerar as relíquias dos Papas João Paulo II e João XXIII durante a Festa da Misericórdia, que será realizada domingo, 27 de abril – dia da canonização dos beatos.
A Festa da Misericórdia na Catedral de Maringá terá início sábado, dia 26 de abril, com adoração ao Santíssimo Sacramento a partir das 21h, seguindo até às 3h do dia 27.

Veja como são os relicários

 

Durante a santa missa das 3 horas da madrugada (27) será feita a entronização das relíquias de João Paulo II e João XXIII na Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Glória.

No domingo, a partir das 13h30 haverá programação especial na Catedral, com pregações, terço da misericórdia e adoração ao Santíssimo. Às 15h30 o encerramento da Festa da Misericórdia será com a santa missa. No Vaticano, na mesma data, estará sendo realizada a cerimônia de canonização de João Paulo II e João XXIII presidida pelo Papa Francisco.

 

Uma data simbólica

O dia 27 de Abril, um domingo após a Páscoa, celebra-se a festa da Divina Misericórdia, instituída por João Paulo II. Além disso, no ano 2005 a morte do Papa coincidiu também com esta festividade. A data é simbólica porque coincide com a comemoração do domingo da Divina Misericórdia, festa litúrgica ligada ao Papa João Paulo II por vários motivos: porque ele mesmo a instituiu, porque faleceu no dia desse ano – 2005 – em que a Igreja a celebrava, e porque a sua Beatificação também se celebrou no Domingo da Divina Misericórdia.
O “bom Papa João”

João XXIII foi beatificado por João Paulo II a 3 de Setembro de 2000. João Paulo II descreveu João XXIII, durante homilia da beatificação, como “o Papa que comoveu o mundo pela afabilidade do seu trato, que refletia a singular bondade do seu coração”.

 

João Paulo II

Seis anos e um mês depois da sua morte, João Paulo II foi beatificado. O Papa Bento XVI fixou a data da sua memória litúrgica a 22 de Outubro. Na homilia da cerimônia de beatificação, Bento XVI disse que desde o dia do seu falecimento, “sentíamos pairar o perfume da sua santidade, tendo o Povo de Deus manifestado de muitas maneiras a sua veneração por ele. Por isso, quis que a sua Causa de Beatificação pudesse, no devido respeito pelas normas da Igreja, prosseguir com discreta celeridade.